O que você precisa saber sobre ordinais e BRC20?

intermediárioMay 12, 2023
Os ordinais de Bitcoin são ativos digitais únicos na blockchain do Bitcoin com casos de uso em potencial em arte, jogos e entretenimento, e ganharam popularidade especialmente por meio das coleções Bitcoin Ordinal NFT.
O que você precisa saber sobre ordinais e BRC20?

O que são Bitcoin Ordinais?

Os ordinais do Bitcoin são um novo tipo de ativo digital que vem ganhando atenção no mundo das criptomoedas. Eles são tokens exclusivos criados pela atribuição de um número ordinal específico a uma transação Bitcoin. Em outras palavras, os ordinais do Bitcoin são uma forma de rastrear a ordem em que as transações do Bitcoin ocorrem no blockchain.

Para entender os ordinais do Bitcoin, é importante primeiro entender como as transações do Bitcoin funcionam. Quando alguém envia Bitcoin para outra pessoa, a transação é registrada no blockchain, que é um livro público que registra todas as transações de Bitcoin. Cada transação recebe um identificador exclusivo chamado ID da transação ou TXID.

Os ordinais do Bitcoin levam isso um passo adiante, atribuindo um número ordinal específico a cada transação com base na ordem em que foi incluída em um bloco. Por exemplo, a primeira transação em um bloco receberia o número ordinal 1, a segunda transação receberia o número ordinal 2 e assim por diante.

Ordinais Bitcoin são criados usando um protocolo chamado OP_RETURN, que permite aos usuários incorporar dados em uma transação Bitcoin que não está relacionada à transferência de Bitcoin. Isso significa que os ordinais do Bitcoin podem ser criados sem afetar a transferência real do Bitcoin entre os usuários.

Aspectos técnicos dos Ordinais do Bitcoin

inscrições

No contexto dos ordinais do Bitcoin, as inscrições referem-se à capacidade de adicionar conteúdo arbitrário à menor unidade do Bitcoin, o Satoshi. Isso permite a criação de ativos digitais exclusivos, semelhantes aos tokens não fungíveis (NFTs), que podem ser rastreados e transferidos usando a teoria ordinal.

As inscrições são possibilitadas pelo protocolo dos Ordinais, criado em janeiro de 2023. O protocolo indexa cada Satoshi e permite que os usuários inscrevam qualquer arquivo on-chain no Bitcoin. Os dados inscritos podem incluir texto, imagens, vídeos ou qualquer outro formato de arquivo. As inscrições são armazenadas na cadeia básica do Bitcoin e são tão duráveis, imutáveis, seguras e descentralizadas quanto o próprio Bitcoin.

O uso de Inscrições com teoria ordinal permite a criação de colecionáveis digitais ou NFTs que são únicos, verificáveis e negociáveis. Cada inscrição representa uma identidade distinta na blockchain do Bitcoin e pode ser usada para representar qualquer coisa, desde obras de arte virtuais até ativos do mundo real. Além disso, como as inscrições são armazenadas no blockchain do Bitcoin, elas podem ser facilmente acessadas e transferidas, tornando-as uma ferramenta poderosa para a criação de ativos digitais descentralizados.

Sat raridade

Há um número limitado de satoshis em circulação. Existe um total de 2,1 quatrilhões de satoshis, que é a quantidade máxima que pode ser criada na rede Bitcoin. À medida que mais pessoas usam Bitcoin, o número de satoshis disponíveis diminui, tornando-os mais escassos e potencialmente aumentando seu valor ao longo do tempo.

Essa escassez é o que torna os ordinais do Bitcoin e o uso de inscrições tão interessantes. Ao inscrever conteúdo arbitrário em um satoshi, os indivíduos podem criar colecionáveis digitais únicos e escassos ou NFTs que podem ser compartilhados e negociados na rede Bitcoin. Isso adiciona uma nova camada de utilidade e valor ao Bitcoin além de seu uso como moeda digital. O uso da teoria dos ordinais para rastrear e transferir esses ativos exclusivos fornece uma maneira segura e descentralizada de gerenciar a propriedade digital, aumentando ainda mais o valor potencial dos ordinais do Bitcoin.

A raridade dos satoshis é importante para determinar seu valor como colecionáveis, tornando-os atraentes para os colecionadores de Bitcoin Ordinals. Vários fatores podem influenciar a raridade dos satoshis. Um deles são os eventos periódicos que ocorrem no Bitcoin, como mineração de novos blocos, ajustes de dificuldade e halvings. Esses eventos acontecem em frequências variadas, e sua ocorrência pode tornar os satoshis cunhados durante esses períodos mais valiosos. Por exemplo, os satoshis que são cunhados após um halving podem ser considerados mais valiosos do que outros.

Além dos eventos periódicos, os satoshis também podem ter valor com base nas qualidades únicas do próprio número ou eventos significativos na história do Bitcoin. Por exemplo, os satoshis do bloco 477.120 que marcaram a ativação do SegWit, ou o último ordinal que será minerado, podem ter um valor significativo para os colecionadores. Esses satoshis são frequentemente chamados de “exóticos” e sua classificação é subjetiva.

Carteiras Bitcoin Ordinais

Fonte: Carteira Ordinais See More

Para cunhar e gerenciar ordinais Bitcoin, os usuários podem utilizar uma variedade de carteiras especializadas. As opções mais populares são Ordinals Wallet, Xverse Wallet, Hiro Wallet e UniSat.

Ordinals Wallet é uma carteira ordinal Bitcoin dedicada que permite aos usuários criar e transferir ordinais. A carteira utiliza uma interface intuitiva que simplifica a criação de ordinais, tornando-a acessível até mesmo para quem não tem conhecimento técnico.

O Xverse Wallet é outra escolha popular, oferecendo uma variedade de recursos além do gerenciamento ordinal. A carteira suporta várias criptomoedas e permite a criação de tokens não fungíveis (NFTs), além de ordinais. Sua interface intuitiva e ampla funcionalidade o tornam uma ferramenta poderosa para quem busca gerenciar diversos ativos digitais.

Hiro Wallet é uma carteira altamente segura e sem custódia que suporta a criação e gerenciamento de ordinais de Bitcoin. A carteira utiliza medidas de segurança avançadas, como autenticação biométrica e autenticação de dois fatores, para garantir a segurança dos fundos do usuário.

UniSat é uma plataforma descentralizada que permite a qualquer pessoa inscrever dados arbitrários na blockchain do Bitcoin usando ordinais. Ele também fornece um mercado onde os usuários podem comprar e vender esses tokens personalizados, com preços determinados pela oferta e demanda. A plataforma é construída sobre a Lightning Network, permitindo transações mais rápidas e baratas do que as transações tradicionais de blockchain do Bitcoin. Com o UniSat, os usuários têm controle total sobre seus tokens e podem transferi-los para qualquer carteira compatível.

Relevância dos Ordinais do Bitcoin

Os ordinais do Bitcoin têm o potencial de agregar valor significativo ao ecossistema de criptomoedas de várias maneiras.

Auditoria

Os ordinais do Bitcoin podem ser usados para fins de auditoria, pois fornecem um registro transparente e imutável da ordem em que as transações do Bitcoin ocorrem no blockchain. Isso pode ser útil para empresas e organizações que precisam manter registros precisos e confiáveis de suas transações financeiras.

Novos produtos e serviços financeiros

Os ordinais do Bitcoin podem permitir que novos tipos de instrumentos financeiros e contratos sejam criados no blockchain. Por exemplo, os ordinais Bitcoin podem ser usados para criar contratos inteligentes que são acionados por transações Bitcoin específicas, como a transferência de uma certa quantidade de Bitcoin de uma carteira para outra. Isso pode permitir que uma ampla gama de novos produtos e serviços financeiros sejam desenvolvidos no blockchain.

Organização e análise de transações BTC

Os ordinais do Bitcoin podem fornecer uma nova maneira de organizar e analisar as transações do Bitcoin no blockchain, o que pode levar a novos insights e descobertas sobre o comportamento dos usuários do Bitcoin e a saúde geral do ecossistema do Bitcoin.

Possíveis casos de uso para Bitcoin Ordinals

Gestão da cadeia de abastecimento

Ao rastrear a ordem das transações Bitcoin no blockchain, os ordinais Bitcoin podem fornecer um registro transparente e imutável do movimento de mercadorias e produtos ao longo da cadeia de suprimentos. Isso pode ajudar a evitar fraudes e falsificações e pode proporcionar aos consumidores maior confiança nos produtos que estão comprando.

identidade digital

Ao atribuir um número ordinal exclusivo a cada transação Bitcoin, os ordinais Bitcoin podem fornecer uma maneira de verificar a identidade de indivíduos e entidades que estão envolvidos em transações Bitcoin. Isso pode ser útil para prevenir fraudes e cumprir requisitos regulatórios relacionados a KYC e AML.

Empréstimos e empréstimos

Ao rastrear a ordem das transações do Bitcoin na blockchain, os ordinais do Bitcoin podem fornecer uma maneira de verificar a credibilidade dos tomadores de empréstimo e a legitimidade dos credores. Isso pode permitir que novos tipos de plataformas de empréstimo ponto a ponto sejam desenvolvidos no blockchain.

DAOs e dApps

Ordinais Bitcoin podem ser usados para criar organizações autônomas descentralizadas (DAOs) e outros tipos de aplicativos descentralizados (dApps). Ao fornecer um registro transparente e imutável da ordem das transações Bitcoin no blockchain, os ordinais Bitcoin podem fornecer uma maneira de criar estruturas de governança descentralizadas e processos de tomada de decisão.

Colecionáveis digitais e tokens não fungíveis (NFTs)

Ao atribuir um número ordinal exclusivo a cada transação Bitcoin, os ordinais Bitcoin podem fornecer uma maneira de verificar a autenticidade de ativos digitais e colecionáveis. Isso permite que novos tipos de arte digital e colecionáveis sejam criados no blockchain.

Prós de Bitcoin Ordinals

Maior transparência

Ao rastrear a ordem das transações Bitcoin no blockchain, os ordinais Bitcoin podem fornecer um registro transparente e imutável da movimentação de fundos. Isso ajuda a prevenir fraudes e outros tipos de atividades ilegais e pode aumentar a confiança no ecossistema Bitcoin.

Maior eficiência

Ao automatizar o rastreamento e o registro das transações Bitcoin, os ordinais Bitcoin ajudam a reduzir os custos e o tempo necessários para manutenção manual de registros e auditoria.

Potencial para permitir novos tipos de inovação financeira

Ao fornecer um registro transparente e imutável da ordem das transações Bitcoin, os ordinais Bitcoin permitem que novos tipos de instrumentos financeiros e contratos sejam criados na blockchain. Isso pode levar a novas oportunidades de investimento, empréstimos e outros serviços financeiros.

Contras do Bitcoin Ordinals

Preocupações com a privacidade

Ao rastrear a ordem das transações Bitcoin no blockchain, os ordinais Bitcoin revelam informações sobre as partes envolvidas nessas transações, o que pode levantar questões de privacidade.

Escalabilidade

À medida que o número de transações Bitcoin aumenta, pode se tornar mais difícil e intensivo em recursos rastrear e registrar todas essas transações usando ordinais Bitcoin. Isso pode levar a tempos de processamento de transações mais lentos e custos mais altos para os usuários.

Desafios técnicos e problemas de implementação

Como acontece com qualquer nova tecnologia, pode haver obstáculos técnicos e desafios de implementação que precisam ser superados para implementar com sucesso os ordinais do Bitcoin no ecossistema de criptomoedas.

Projetos NFT: Exemplos de Bitcoin Ordinals

TwelveFold por Yuga Labs

Fonte: Yuga Labs

TwelveFold é um projeto criado pela Yuga Labs, a mesma equipe por trás da popular coleção Bored Ape Yacht Club NFT. TwelveFold consiste em 12 ordinais Bitcoin exclusivos, cada um representando um membro diferente de um grupo fictício chamado “Sociedade TwelveFold”. Cada ordinal está associado a um personagem e enredo específicos, que foram desenvolvidos pela Yuga Labs em colaboração com uma equipe de escritores e artistas.

Os ordinais TwelveFold não são fungíveis e são armazenados na blockchain do Bitcoin. Eles podem ser comprados e vendidos em vários mercados e são considerados raros e colecionáveis. O projeto foi bem recebido na comunidade NFT, com alguns colecionadores e investidores pagando quantias significativas para adquirir um dos ordinais TwelveFold.

Punks ordinais

Fonte: Ordinal Punks See More

Ordinal Punks é um projeto criado pela mesma equipe por trás do CryptoPunks, uma das coleções NFT mais populares e valiosas do mercado. Ordinal Punks consiste em 10.000 ordinais Bitcoin exclusivos, cada um representando um personagem diferente ou “punk”. Os ordinais são armazenados na blockchain do Bitcoin e são considerados raros e colecionáveis.

Loops ordinais

Fonte: Loops Ordinais

Ordinal Loops é um projeto criado pela artista e desenvolvedora Sarah Zucker. O projeto consiste em 1.000 ordinais Bitcoin exclusivos, cada um representando uma animação em loop diferente. Os ordinais são armazenados na blockchain do Bitcoin e são considerados raros e colecionáveis.

Assistentes Taproot

Fonte: Taproot Wizards

Taproot Wizards é um projeto criado pelo artista e desenvolvedor Matt Kane. O projeto consiste em 1.024 ordinais Bitcoin exclusivos, cada um representando um assistente diferente. Os ordinais são armazenados na blockchain do Bitcoin e são considerados raros e colecionáveis.

Colecionáveis TimeChain

Fonte: TimeChain Collectibles

TimeChain Collectibles é um projeto criado pelo artista e desenvolvedor Victor Mosquera. O projeto consiste em 21 ordinais Bitcoin exclusivos, cada um representando um personagem ou cena diferente da obra de arte de Mosquera. Os ordinais são armazenados na blockchain do Bitcoin e são considerados raros e colecionáveis.

Debate: Bitcoin Ordinals são considerados NFTs?

Tem havido algum debate na comunidade criptográfica sobre se os ordinais do Bitcoin devem ser considerados NFTs. Alguns argumentam que os ordinais do Bitcoin atendem à definição técnica de NFTs, pois são ativos digitais exclusivos criados em uma rede blockchain. Outros argumentam que os ordinais do Bitcoin são fundamentalmente diferentes dos NFTs, pois são usados principalmente para rastrear a ordem das transações do Bitcoin e verificar a autenticidade dos ativos digitais.

Os defensores do argumento de que os ordinais do Bitcoin são NFTs apontam para o fato de que cada ordinal é único e pode ser rastreado até uma transação Bitcoin específica. Eles argumentam que isso torna os ordinais do Bitcoin funcionalmente semelhantes aos NFTs, que também são ativos digitais exclusivos que podem ser rastreados até uma transação blockchain específica.

Por outro lado, os críticos do argumento de que os ordinais do Bitcoin são NFTs apontam para o fato de que o objetivo principal dos ordinais do Bitcoin é rastrear a ordem das transações do Bitcoin e garantir sua integridade, em vez de representar ativos digitais exclusivos. Eles argumentam que, embora os ordinais do Bitcoin possam atender à definição técnica de NFTs, eles são fundamentalmente diferentes dos NFTs em termos de casos de uso e comercialização.

BRC-20

Os tokens BRC-20 são um padrão de token fungível criado para o blockchain do Bitcoin. O padrão é projetado para permitir que os usuários inscrevam JSON (JavaScript Object Notation) na blockchain Bitcoin usando o protocolo Ordinals, que pode ser usado para implantar contratos de token para cunhar e transferir tokens.

História do BRC-20

Fonte: Twitter - @domodata

O padrão de token BRC-20 foi teorizado pela primeira vez por um desenvolvedor chamado Domodata em março de 2023. A Domodata propôs usar o protocolo Ordinals para criar um padrão de token fungível na blockchain do Bitcoin. O padrão permitiria aos usuários inscrever JSON em Satoshis, a menor unidade de Bitcoin, e usá-los para criar tokens que podem ser negociados em transações.

O BRC-20 é semelhante ao ERC-20?

O BRC-20 é semelhante ao ERC-20, pois ambos são padrões de token usados em suas respectivas redes blockchain. No entanto, existem algumas diferenças importantes entre os dois. Enquanto o ERC-20 é usado no blockchain Ethereum e permite a criação de contratos inteligentes, o BRC-20 é usado no blockchain Bitcoin e não suporta contratos inteligentes. Essa limitação significa que os desenvolvedores não podem criar uma variedade tão ampla de tokens programáveis e produtos financeiros na rede BRC-20 quanto na rede Ethereum.

O BRC-20 usa o mecanismo Proof of Work (PoW), enquanto o ERC-20 usa o mecanismo Proof of Stake (PoS). O PoW exige que os mineradores compitam e resolvam problemas matemáticos complexos para validar transações e ganhar recompensas, enquanto o PoS permite que os validadores sejam escolhidos com base na quantidade de criptomoeda que possuem.

Apesar dessas limitações, o padrão de token BRC-20 ainda ganhou força alguns meses após seu lançamento.

Tokens BRC-20

Fonte: BRC-20.io

ordi

Ordi, o primeiro token construído no padrão BRC-20 para Bitcoin, foi lançado no início de 2023. Ele foi criado para oferecer uma alternativa viável ao padrão ERC-20 da Ethereum, permitindo que os desenvolvedores criem tokens que possam aproveitar a segurança e os efeitos de rede do Bitcoin. A Ordi ganhou força significativa e viu sua capitalização de mercado aumentar de forma constante, com algumas bolsas listando-a para negociação, como Gate.io.

pepe

O segundo token a ganhar ampla visibilidade foi o Pepe, um token baseado em memes que aumentou o interesse entre investidores e traders. O token é baseado no popular meme Pepe the Frog e foi descrito como um ativo “colecionável”. Apesar de suas origens baseadas em memes, Pepe tem seguidores significativos, com sua capitalização de mercado aumentando significativamente nos últimos meses.

Meme e Piza

Meme e Piza são dois tokens construídos no padrão BRC-20 que ganharam popularidade na comunidade de criptomoedas. Meme, como o próprio nome sugere, é um token baseado em memes da internet, enquanto Piza é um token criado para representar o valor de uma pizza.

Conclusão

Ordinais Bitcoin são uma nova forma de ativos digitais que têm o potencial de revolucionar o mercado de colecionáveis digitais. Armazenados na blockchain do Bitcoin, eles oferecem uma proposta de valor única com possíveis casos de uso em vários campos, como arte, jogos e entretenimento.

Embora haja debate sobre se eles devem ser considerados NFTs, suas características distintas e raridade os tornam ativos valiosos que estão ganhando atenção no ecossistema de criptomoedas.

Projetos notáveis como TwelveFold da Yuga Labs, Ordinal Punks, Ordinal Loops, Taproot Wizards e TimeChain Collectibles estão liderando o caminho para explorar as possibilidades dos ordinais do Bitcoin. Com o crescente interesse em colecionáveis digitais e a crescente adoção de criptomoedas, os ordinais do Bitcoin estão prestes a se tornar parte integrante da economia digital. Com o advento dos tokens BRC-20, também há um novo mercado tomando forma no setor web3 e cripto.

Autor: Matheus
Tradutor: Cedar
Revisores: Hugo、Ashely
* As informações não pretendem ser e não constituem aconselhamento financeiro ou qualquer outra recomendação de qualquer tipo oferecida ou endossada pela Gate.io.
* Este artigo não pode ser reproduzido, transmitido ou copiado sem referência à Gate.io. A contravenção é uma violação da Lei de Direitos Autorais e pode estar sujeita a ação legal.